Óleo Bruto de Amendoim

Ampla utilização e rentabilidade.

O amendoim, ou Arachis Hypogaea L, é um grão extremamente rico em óleo! A extração do óleo bruto acontece através de processos de extração físico-químico para a obtenção do óleo, posteriormente é finalizado com a filtragem e polimento do óleo.

O óleo bruto ou refinado é principalmente direcionado para o consumo humano, seja pelas características sensoriais que agradam principalmente a culinária asiática. Após o refino, é muito utilizado para frituras, uma vez que suas características quimicas são mais resistentes as altas temperaturas e ricos em monossaturados.

Como acontece o consumo do Óleo de Amendoim?

O Óleo de Amendoim tem grande importância e excelente potencial de consumo em diversos segmentos. Muito usado na culinária devido ao seu aroma e sabor suaves, é rico em ácido pantotênico, ácidos graxos monoinsaturados, vitaminas B6, B9, A, D e E, é antioxidante e possui minerais como magnésio, potássio, cálcio e ferro.

Na indústria, o óleo de Amendoim se mostra muito útil na fabricação de cosméticos, roupas de couro, óleos lubrificantes, verniz, tinta, e até mesmo leite sem lactose!

Explorar o potencial do Óleo de Amendoim é sinônimo de rentabilidade!

Utilização:

  • - Indústrias alimentícias
  • - Farmacêuticas
  • - Empresas estatais

Composição:

  • - Grãos de amendoim

Características Sensoriais:

  • - Aspecto: límpido e isento de impurezas a 25 °C.
  • - Cor: característica.
  • - Odor: característico.
  • - Sabor: característico.

Características Físicas e Químicas:

2.2.2.1. Densidade relativa 0,914 - 0,917 (20°C/20°C)
0,911 - 0,914 (25°C/25°C)
2.2.2.2. Índice de refração (n D 40)..... 1,460 - 1,465
2.2.2.3. Índice de saponificação....... 187 - 196
2.2.2.4. Índice de iodo (Wijs)........ 80 - 106
2.2.2.5. Matéria insaponificável, g/100g..... Máximo 1,0
2.2.2.6. Acidez, g de ácido oléico/100g óleo refinado Máximo 0,3
2.2.2.6. Acidez, g de ácido oléico/100g óleo bruto Máximo 2,0
2.2.2.7. Índice de peróxido, meq/kg........ Máximo 10
2.2.2.8. Ácido Araquídico e >C20:0, g/100g Mínimo 4,8

Características Físicas e Químicas:

Ácido graxo Nomenclatura g/100g
C < 14 - < 0,4
C 14:0 Mirístico < 0,6
C 16:0 Palmítico 6,0 - 16,0
C 16:1 Palmítoléico < 1,0
C 17:0 Margárico < 0,1
C 17:1 Heptadecenóico < 0,1
C 18:0 Esteárico 1,3 - 6,5
C 18:1 Oléico 35,0 - 72,0
C 18:2 Linoléico 13,0 - 45,0
C 18:3 Linolênico < 0,3
C 20:0 Araquídico 1,0 - 3,0
C 20:1 Eicosenóico 0,5 - 2,1
C 22:0 Behênico 1,0 - 5,0
C 22:1 Erúcico < 0,3
C 24:0 Lignocérico 0,5 - 3,0

Micotoxinas

Aflatoxina total (B1, B2, G1, G2) máximo 20 PPB

TEM INTERESSE EM ADQUIRIR NOSSOS PRODUTOS?


Preencha o formulário abaixo que em breve um de nossos consultores entrará em contato.

  • PRODUTOS
  • INSTITUCIONAL
  • NOTÍCIAS
  • CONTATO
  • MATRIZ

    Rod. Brigadeiro Faria Lima

    KM 350

    Caixa Postal 41

    CEP 14877-000

  • FILIAL

    Rua Antônio Guerreiro, 50

    Distrito Industrial Bruno Veradeiro

    CEP 14876-270

© Sementes Esperança. Todos os direitos reservados. 2017 2019
Desenvolvido por